Luzes 57ªED. Palavra do Grão-Mestrado

Leia agora a Palavra do Grão-Mestrado na edição 57ª da Revista Luzes.

Publicada por Gosp

Publicada em 03/11/2021

Com alegria lemos os índices que mostram a queda nos casos de COVID-19, refletindo diretamente na atividade das Lojas Maçônicas da nossa Jurisdição. 

Cientes de nossas responsabilidades, consideramos necessário lembrar alguns pontos: 1) o maçom, como livre-pensador e formador de opiniões, deve ter uma postura cautelosa e crítica com as notícias que recebe – principalmente em redes sociais; 2) a ciência é uma das formas de conhecimento que ressaltamos em nossos rituais pois consolida séculos de experimentação e de desenvolvimento da humanidade; 3) a pandemia não acabou nem há previsão de acabar – os cuidados sanitários devem ser mantidos e a vacinação deve ser incentivada. 

Assim, as Lojas do GOSP estão retomando com cautela e alegria os Trabalhos presenciais. Dentro da postura que nossa Soberana Potência exerce, ressaltando a autonomia das Lojas, cada administração deve analisar com seu Quadro como manterá seus trabalhos: presenciais, remotos ou híbridos – devendo disciplinar, inclusive, como calculará a frequência de cada Obreiro. 

Entendemos que a maçonaria é praticada com responsabilidade e competência pelas Lojas e cada Quadro pode analisar suas próprias possibilidades, não cabendo ao Grão-Mestrado determinar globalmente as necessidades locais. Irmãos, sigamos adiante com alegria e leveza perante as dificuldades e pesos que a situação socioeconômica brasileira e mundial, além da sanitária, nos impõem. 

Nossas lições e nossa Tradição nos proporcionam caminhos seguros à maestria, mas, sempre entendendo e desenvolvendo a Fraternidade como o grande elemento de sucesso da longevidade da Ordem e do nosso centenário GOSP.